CIMETOX

Descrição Geral das Funções

Direcção Geral

Ao Director do Centro compete:

  • Dirigir e gerir científica, administrativa e financeiramente o CIMETOX;
  • Representar o CIMETOX, em actos cuja participação resulte de modo positivo para a prossecução dos objectivos do Centro;
  • Estabelecer acordos com outras entidades nacionais e estrangeiras, convenientes ao desenvolvimento do CIMETOX.
  • Zelar pelo prestígio nacional e internacional do Centro;
  • Velar pela garantia da qualidade dos processos realizados na instituição.
  • Projectar os planos de contingência toxicológica e sistemas de actuação metodológica.
  • Proceder ao mapeamento dos riscos químicos do país e encarregar-se da sua permanente actualização.
  • Activar os postos de direcção e comando e Coordenar a intervenção nos eventos de intoxicação massiva ou individual em caso de catástrofe ou acidentes envolvendo produtos químicos.

 

Garantia da Qualidade

 

Tem como função a implementação de um sistema de gestão de qualidade para o trabalho e funcionamento da Instituição, cuja prioridade é a melhoria contínua da sua eficácia e a excelência dos serviços.

 

Departamento de Administração Geral

 

Administrador: É um Técnico Superior com um grau mínimo de licenciado nomeado pelo do Director do Centro, a quem compete apoiar administrativamente o Director e Assessor do Centro nos recurso materiais da repartição económica e recursos humanos, transporte e património.

 

Repartição de Contabilidade

 

É uma repartição que assessora o director do centro na organização e execução das despesas financeiras do CIMETOX.

 

Repartição dos Recursos Humanos

 

É uma repartição que controla e dirige a selecção do pessoal que trabalha no Centro de acordo a seu perfil e qualificação para ocupar os diferentes cargos no centro e controlo do processo laboral e consequente qualidade.

 

Departamento de Informação Toxicológica

 

Dirige e controla todas as funções do departamento.

Fornecer informações e assessorar sobre o diagnóstico prognóstico e tratamento, prevenção, toxicidade e riscos por exposição a substâncias químicas. (24 horas).

Orientar o tratamento geral e aplicação as vítimas das intoxicações. 

Recolhe e processa as estatísticas das consultas de medicamentos e toxicologia do CIMETOX.

 

Consulta Externa Toxicológica

 

É dirigida e executada por um especialista em toxicologia com grau científico de mestre em toxicologia. Realiza atendimento directo do paciente intoxicações agudas e crónicas. Proporciona igualmente atendimento junto de caso de intervenção em outras unidades em caso catástrofes química ou também em caso de solicitação de outras instituições.

Participa nas investigações científicas no domínio clínico e pré-clinico.

 

Antídotos

 

É coordenado por um especialista em toxicologia tendo como finalidade de estabelecer a política de qualidade de antídotos no país. Assessora o quadro básico de antídotos nas instituições de saúde públicas e privadas assim como estabelecer um banco de antídoto do CIMETOX.

 

Toxicovigilância

 

Encarrega-se de realizar a vigilância de efeitos adversos a substâncias químicas e uso inadequado de drogas enviando seus resultados definidos pelo sistema. Realiza alerta-acção as autoridades competentes das ocorrências de intoxicações no país para que sejam desencadeadas medidas de actuação e deve ser coordenado por um mestre em toxicologia.

 

Informática e Comunicação

 

Assegurar a relação funcional dos serviços pelos utilizadores dos equipamentos informáticos e entre estes e os serviços centrais;

Desenvolver, coordenar e controlar o planeamento da actividade de processamento de dados;

Proceder à transcrição de dados para suporte adequado ao processamento informático, colaborando nas operações destinadas a garantir a qualidade dos meios de comunicação;

Colaborar na optimização do equipamento, tendo em atenção os recursos disponíveis;

Proceder a informatização e o arquivo de todos dados do Centro;

Colaborar nas acções de selecção de pessoal de informática;

Garantir a segurança e privacidade da informação sua guarda.

Estabelecer adequadamente todo processo vinculado as comunicações dentro e fora da instituição.

 

Departamento de Documentação e Informação Científica

  • Biblioteca

É coordenado por um técnico com categoria de nível superior que selecciona e recolhe os materiais bibliográficos adquiridos pelo Centro; Difunde a documentação e informação com o interesse para o Centro e ainda para a biblioteca do centro; Promove medidas que visem a aquisição e actualização de revistas de especialidade; Organiza e mantém actualizado os respectivos ficheiros; Garante e executa e publica das revistas do Centro; Divulga de elementos relativos ao registo bibliográfico adquirido;

Garantir a segurança e a conservação de todo o acervo documental.

 

Departamento de Docência e Pos-graduação

  • Projectos

É coordenado por um professor com categoria mínima de Auxiliar e tem como missão actualizar o banco de problemas das intoxicações no país e estabelecendo metodologicamente a realização de projectos de investigação científica e de inovação tecnológicas assim como a execução de impacto e resultados na sua aplicação.

  • Intercâmbio e extensão Universitária

É coordenado por um técnico superior e realiza actividades com outras Instituições no âmbito nacional e internacional. Realiza convénios e documentos de intenções com outras instituições científicas. Intervêm junto das comunidades desenvolvendo programas vinculados com acções de prevenção que visam a melhoria da qualidade de vida das populações vinculando os processos docentes e científico a comunidade.

  • Formação e pós-graduação

É coordenado por um professor com categoria mínima de Auxiliar ou Associado e tem como missão contribuir ao desenvolvimento de capital humano no campo da toxicologia através de assessorias a instituições académicas e de saúde do país,

Cursos, diplomados, treinamentos, mestrados para formação e capacitação de técnicos e profissionais. Realizar acções de fomento, promoção e divulgação de actividades científicas que conduzam ao reconhecimento e prestígio do Centro.

 

Departamento de Investigação Científica

  • Ensaio Clínico e Bioequivalência

É coordenado por um professor com categoria mínima de Auxiliar ou Associado  e tem como missão contribuir com ensaios clínicos e os estudos de bioequivalência nos produtos químicos e medicamentos que entram e circulam no país assim como atender petições internacionais para o registo de produtos químicos para os quais tem o propósito de avalia-los e valida-los. 

  • Ambiental e Ocupacional

É coordenado por um técnico superior e realiza actividades de monitoramento ambiental, assessoria ambiental a entidades públicas e privadas, estudos científicos de impacto ao homem e ao ambiente dos danos provocados pelas substâncias químicas. Privilegia a vigilância da saúde dos trabalhadores e realiza estudos toxicológicos vinculados com saúde dos trabalhadores. Assessora as boas práticas sobre o uso seguro dos produtos químicos no ambiente laboral.

 

Biotério

 

É coordenado por um técnico superior e realiza actividades de recolha descrição, classificação, manutenção, de espécies de animais peçonhentos assim como a área de quarentena, obtenção de venenos puros para serem enviados a banco de venenos e seroteca. Promove a criação de animais e respectivas reprodução com  a perspectiva de melhoria das espécie. (Promove a criação de animais e respectiva reprodução com perspectiva de melhoria da espécie).

  • Desenvolvimento Animal

É coordenado por um técnico superior e realiza actividades de criação e manutenção de animais com possibilidade de inocular os venenos sobre os animais e obtenção de soro para aplicação no processo de produção de soros antiofídicos.

 

Liofilização e Produção de Soros Antiofídicos

 

É coordenado por um técnico superior e realiza actividades de obtenção de mono-soro, processo de liofilização e produção de soros antiofídicos monovalentes e polivalente assim como a avaliação da sua qualidade para efeito de sua distribuição, comercialização e uso.

 

Departamento de Laboratório Químico Toxicológico

  • Urgências Toxicológicas
  • Investigações Toxicológicas

É coordenado por um técnico superior com domínio de laboratório e realiza actividades de atendimento em análises laboratoriais de urgência toxicológica.

Recepciona amostras de fluídos biológicos (conteúdo gástrico, sangue, urina e identifica presença de medicamentos e outros produtos químicos, e os quantifica em forma dos resultados sobre a base dos sistemas de qualidade estabelecidos.

Voltar Imprimir O seu email não é valido
Organização
2014 © CIMETOX Todos os direitos reservados
Última actualização 2018-08-14